Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

http://palavrasesentidos.blogs.sapo.pt



Segunda-feira, 03.12.18

Lembranças (original)

Todos os dias, quando exercia a minha profissão, apanhava o mesmo autocarro onde viajava sempre um pai e uma filha adolescente; saiam numa paragem perto de uma escola secundária donde  concluí que a levava todas as manhãs ao seu destino.
Por vezes, alguns colegas juntavam-se  a eles e a cena repetia-se. Nessas alturas e na presença dos amigos havia um sorriso tímido que  lhe iluminava o olhar mas era sol de pouca dura.
Que motivaria a presença diária do presumível pai? uma adolescente já tem autonomia necessária para se deslocar só e depois, a menina em questão parecia tão responsável.
Como  gostaria de poder decifrar aquele enigma, se ao menos a encontrasse, pelo menos uma vez, sozinha poderíamos encetar um diálogo mesmo que breve e a tão  esperada resposta poderia acontecer.
Mas não,, comecei então a pensar como gostaria de ser alguém da família, que a pudesse ajudar a libertar-se  e ter uma vida mais adequada à idade; teria permissão para ir ao cinema, lanchar com as amigas ou mais simplesmente visitá-las e ser visitada?
Ainda hoje, volvidos tantos anos, me lembro da menina de olhar triste, que será feito da sua vida, ter-se-á libertado daquela "prisão" sem grades?
Há prisões que nos deixam marcas para a vida, por muito bem intencionados que os "carcereiros" sejam. Sê feliz, menina linda, que tanto tempo viajamos juntas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por palavrasesentidos às 14:26


Comentar:

Mais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Dezembro 2018

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031