Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

http://palavrasesentidos.blogs.sapo.pt



Quarta-feira, 18.10.17

Tens os olhos de Deus - Abrunhosa e Ana Moura

 

Tens os olhos de Deus

E os teus lábios nos meus

são duas pétalas vivas.

E os abraços que dás,

São rasgos de luz e de paz

Num céu de asas feridas,

E eu preciso de mais,

Preciso de mais.

 

Dos teus olhos de Deus,

Num perpétuo adeus

Azuis de sol e de lágrimas,

Dizes: Fica comigo

És o meu porto de abrigo,

E a despedida uma lâmina!

Já não preciso de mais,

Não preciso de mais.

 

Embarca em mim,

Que o tempo é curto

Lá vem a noite

Faz-te mais perto.

Amarra assim

O vento ao corpo,

Embarca em mim

Que o tempo é curto.

Embarca em mim.

 

Tens os olhos de Deus,

E cada qual com os seus

Vê a lonjura que quer,

E quando me tocas por dentro

De ti recolho o alento

Que cada beijo trouxer.

E eu preciso de mais,

Preciso de mais.

 

Nos teus olhos de Deus

Habitam astros e céus,

Foguetes rosa e carmim,

Rodas na festa da aldeia

Palpitam sinos na veia

Cantam ao longe que sim.

Não preciso de mais,

Não preciso de mais.

 

Embarca em mim,

Que o tempo é curto

Lá vem a noite

Faz-te mais perto.

Amarra assim

O vento ao corpo,

Embarca em mim

Que o tempo é curto.

Embarca em mim.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por palavrasesentidos às 14:26


Comentar:

Mais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Outubro 2017

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031